Os Deveres dos Pais 
J. C. Ryle

“Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele.”
Provérbios 22:6

Suponho que a maioria dos cristãos professos estão familiarizados com o texto mencionado.
O som dele provavelmente é familiar aos seus ouvidos, como uma velha canção. É provável que você já ouviu, leu, falou sobre ele, ou citou-o muitas vezes. Não é mesmo? No entanto, no final de tudo, quão pouco considerada é a essência deste texto! A doutrina contida nele parece ser pouco conhecida; muito raramente o dever que ele coloca diante de nós parece ser praticado. Leitor, não falo a verdade? Não se pode dizer que o assunto é novo. O mundo é velho, e temos a experiência de quase seis mil anos para nos ajudar. Vivemos dias em que há um poderoso entusiasmo para com a educação em cada canto. Ouvimos falar de novas escolas surgindo por todos os lados. Somos informados sobre novos sistemas e novos livros para os jovens, de todo tipo e descrição. E, ainda assim, com tudo isso, a grande maioria das crianças, claramente, não são educadas no caminho em que devem andar; assim, quando crescem até a estatura de um homem, elas não andam com Deus. Agora, como vamos explicar o estado dessas coisas? A pura verdade é que o mandamento do Senhor que está no nosso texto não é considerado e, portanto, a promessa do Senhor contida no mesmo texto não é cumprida. Leitor, estas coisas podem muito bem dar origem a grandes indagações do coração. Suporte agora uma palavra de exortação de um ministro sobre a correta educação das crianças. Acredite em mim, o assunto deve ir para casa na consciência e fazer com que cada um pergunte a si mesmo: “Estou fazendo o que posso nesta questão?” É um assunto que diz respeito a quase todos. Praticamente não há uma família em que ele não toque. Os pais, babás, professores, padrinhos, madrinhas, tios, tias, irmãos, irmãs – todos têm interesse nele. Poucos podem ser encontrados, penso eu, que não podem influenciar alguns dos pais na gestão da sua família, ou afetar a formação de alguma criança por sugestão ou conselho. Todos nós, eu suspeito, podemos fazer algo aqui, direta ou indiretamente, e eu desejo suscitar a todos para que tenham isso na memória.

É também um assunto, em que todos os envolvidos estão em grande perigo de estar aquém do seu dever. Este é, por excelência, um ponto em que os homens podem ver as falhas de seus vizinhos mais claramente do que as suas próprias. Eles, muitas vezes, criam seus filhos no mesmo caminho que eles denunciaram aos seus amigos como inseguro. Eles querem ver os ciscos nas famílias dos outros homens, mas passam por cima das traves da sua. Eles querem ser rápidos como águias para avistar, detectando erros no exterior, contudo são cegos como morcegos para os erros fatais que diariamente estão acontecendo em sua casa. Eles querem ser sábios sobre a casa do seu irmão, mas são tolos sobre a sua própria carne e sangue. Aqui, como em qualquer outro lugar, nós precisamos suspeitar do nosso próprio julgamento. Isso, também, você fará bem em ter na sua mente. Venha e deixe-me colocar diante de você algumas orientações sobre a correta educação. Deus Pai, Deus Filho e Deus Espírito Santo o abençoe, e torne estas palavras propícias a todos. Não as rejeite porque elas são francas e simples, não as despreze por não conterem nada de novo. Esteja certo de que, se você quer educar as crianças para o céu, estas são orientações que não devem ser inconsequentemente postas de lado.
Reforma Radical

Formulário de Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Somente a Escritura - Somente Cristo - Somenta a Graça - Somente a Fé - Glória Somente a Deus!!